Posts com a seguinte categoria: ‘ Design

Photoshop Express… o seu Photoshop de “bolso”!

Diga aí quantas vezes você precisou de um editor de imagens decente e o máximo que tinha disponível no momento era o Paint? As possibilidades disso acontecer são remotas para grande parte das pessoas (que trabalham com edição de imagens), mas ainda assim há casos em que pode ocorrer.

Imagine-se na casa da namorada e o seu sogro, ao saber que você é o cara que “trabalha com computador”, lhe pede um favor para ajustar a foto do time de futebol do bairro do qual ele é o capitão. Você ávido em ganhar uns pontinhos com ele, corre pro micro da sala e diz que é moleza, até perceber que o melhor software disponível na máquina é o Paint. Ou em outra situação, você está viajando e tirou fotos bacanas com sua Cybershot, mas quando decide compartilhar as mesmas e as “carrega” no PC do hotel percebe o quanto as fotos ficaram “queimadas” e o filtro de redução de olhos vermelhos da câmera só piorou a situação deixando sua amada com cara de vampiro. Ou ainda em um caso de urgência na lanhouse perto de casa… bom, enfim, já deu pra perceber que as possibilidades são muitas e todos podem precisar um dia de um bom editor de imagens, mesmo que ele faça apenas o básico.

E é daí que entra o www.photoshop.com, muitas pessoas desconhecem a existência deste link (ou imaginam ser fake ou realmente não entendem como fuçar nele), mas ele é real e altamente útil, diga-se de passagem. Tá certo que não é a mesma coisa que um Photoshop “de verdade” instalado na máquina, mas em muitos casos ele supre a necessidade.

Começando a usar…

Primeiro, você precisa criar uma conta (gratuita) que te dá direito a acessar a ferramenta e oferece mais 2gb de espaço livre para montar sua galeria pessoal (que posteriormente pode ser compartilhada).

Mas o mais bacana é poder carregar suas fotos a partir de locais onde elas já estejam armazenadas, como o Facebook, Flickr, Photobucket e Picasa. Na foto abaixo (clique para ampliar), exibo um exemplo de uma galeria minha carregada a partir do Picasa.

Photoshop Express - Álbum de Fotos via Picasa
Você consegue carregar suas fotos a partir dos locais citados, editar e reenviá-las aos mesmos locais, com a opção de manter versões diferentes das fotos se quiser.

Nas próximas 2 fotos é possível conferir a interface de edição, onde é demonstrado o recurso Crop & Rotate e também o Resize.

Photoshop Express - Crop and Rotate
Photoshop Express - Resize
Além disso, ao clicar na aba DECORATE, como o próprio nome diz, passa a ser possível o “emperiquitamento” da foto, como no exemplo abaixo onde incluí um post-it e um texto qualquer.

Photoshop Express - Edição de textos...
Todas as alterações, após efetuadas podem ser salvas e compartilhadas. Ao tentar sair da tela de edição sem salvar, a ferramenta sempre exibe o box abaixo para evitar retrabalho aos desavisados.

Photoshop Express - Confirmar alterações...

Como podem ver, o Photoshop “Online” pode atender a demanda da grande maioria das pessoas com efeitos simples, fáceis de usar e com resultados satisfatórios, mas o que eu acho melhor mesmo é o fato de editar da “nuvem” para a “nuvem”… ;)

Para quem tem celulares com Android ou iPhone e iPad ainda tem uma opção de instalar um App com recursos tão simples quanto o site. É o poder da edição, literalmente ao alcance das mãos… apesar de pouco confortável, essa edição rápida costuma “salvar vidas”.

Recentemente a Adobe atualizou seu aplicativo para iPhone 4 e adaptou o mesmo para visualização em Retina Display, clique na imagem abaixo e veja a comparação que fiz do antes e depois dessa implementação. Compare os ícones (serrilhados na versão anterior) e a própria foto (perceba o veículo branco na parte inferior da imagem).

Photoshop Express - iPhone - Antes e depois do Retina Display

Não há nada melhor que Photoshop então?

Confesso que por usar o Photoshop desde a sua terceira versão (3.0) sou suspeito pra falar do assunto, sei que é um software referência de mercado e até hoje nunca me deixou na mão… há pessoas que não se adaptam e preferem trabalhar com concorrentes ou aqueles que não possuem “bala na agulha” mesmo e optam por opções open source como o Gimp, que diga-se de passagem, é de deixar qualquer um babando em seus recursos.

Mas como o assunto aqui é a edição online, então há sim outras opções, algumas bem poderosas por sinal. Temos o PicNik e o Splashup, por exemplo. Mas um dos melhores editores online que já usei e (precisei) é sem dúvida alguma o Pixlr!

Clicando na imagem abaixo você consegue ver em detalhes a interface do Pixlr. É bem semelhante (mesmo) ao Photoshop e possui recursos bem avançados pra uma ferramenta online. Estão lá a edição por layers, efeitos em cores, ajustes finos em níveis e curvas e muito mais que imaginar. Realmente impressiona.

Pixlr - Praticamente um Photoshop Online "de verdade"...

Além disso há uma série de recursos adicionais ao editor, como se fosse uma suíte de aplicativos mesmo. Precisa editar rapidamente uma imagem disponível em qualquer site na internet? Utilize o Pixlr Express. Precisa divulgar uma imagem a seus amigos, mas não tem onde publicar? Use o imm.io. Que acha de ter um plugin no browser que faz com que você edite qualquer imagem na web usando o Pixlr? Então instale o Pixlr Grabber em seu Firefox ou Chrome.

Tudo isso e ainda tem a possibilidade de importar fotos do Facebook, Picasa ou Flickr…

Agora você me deixou na dúvida… qual eu uso?

Hummm… Não sei te responder… até hoje eu convivo com os dois sem maiores problemas. Tanto o Photoshop quanto o Pixlr me atende de diversas maneiras. Sinceramente? Não encontrei o melhor entre eles… na dúvida, faça como eu, use ambos! ;)

HTML5, a marca!

Em tempos de branding, todos querem ocupar seu local ao sol e por que seria diferente com a linguagem (de marcação, diga-se) HTML5?

Atualmente é o que mais se fala entre os desenvolvedores. Para alguns já se tornou realidade, para muitos ainda está em um processo embrionário e distante, mas tanto a Opera, a Mozilla, a Google, a Apple e a Microsoft concordam: HTML5 é o futuro!

Então, já que o assunto está em voga e é o futuro, por que não aproveitar o momento de divulgação da marca e melhorar ainda mais a comunicação de suas diretrizes? Foi daí que surgiu a idéia de se criar uma marca para a linguagem de marcação, HTML5.

Marca do HTML 5

Pelo estudo realizado pela Ocupop, o escritório responsável pela criação da marca, todos falavam sobre o HTML5 (W3C, jornalistas, desenvolvedores, designers, estudantes e toda a comunidade através de blogs e fóruns), mas em nenhum momento havia algo que facilitasse a identificação por parte dos usuários quando o assunto tratado era esse. Cada livro ou artigo criado ou cada reportagem falando sobre o assunto, sempre apresentava marcas, “loguinhos bonitinhos” e ícones e afins sem qualquer ligação entre uns e outros, todos eram “criados por criar”, para ter algo a ilustrar naquele momento.

Foi então que o escritório foi procurado pela W3C para a criação da marca que representasse a linguagem. Após diversos estudos, eles acabaram optando por uma forma onde há rígidos padrões geométricos, porém que podem ser facilmente adaptado as suas necessidades, além de ser estável e elegante (padronização W3C e código semântico, lhes dizem algo?).

O HTML5 possui em sua essência 8 classes diferentes que descrevem a sua utilização, com isso a Ocupop também criou sub-marcas (ao estilo de Badges, assim como o próprio logo) que representam essas classes: Semântica / Acesso a dispositivos / Offline e Armazenamento / Conectividade / Multimídia / 3D, Imagens e Efeitos / Performance e Integração / CSS3.

Em uma página criada exclusivamente para falar da marca, a Ocupop comenta mais a respeito do processo criativo, incluindo aí a definição de conceitos, utilização de cores na marca e as diferenças entre as classes acima mencionadas.

O W3C também está fazendo a divulgação da marca em um hotsite específico para isso. Nesse hotsite você poderá conhecer mais sobre esses conceitos, fazer o download da marca e criar a sua (incluindo as badges específicas de cada classe acima) para incluir em seus projetos.

Por fim, você também pode dar a sua contribuição comprando a camiseta com a nova marca HTML5. Os lucros obtidos com a venda de camisetas serão destinados a complementação dos testes que estão sendo efetuados em diversas plataformas e browsers para uso do HTML5.

PS: Não esqueça de utilizar a hashtag #html5logo ao divulgar ou falar sobre a marca no Twitter.

Desafio Firefox 4: T-shirt Design Challenge

Firefox 4

Mozilla Creative Collective é um projeto criado pela Mozilla Foundation com o intuito de fazer com que artistas e designers se inspirem com os ideais de inovação, liberdade e participação que a Mozilla tenta transmitir em seus produtos.

Todos os meses eles promovem desafios (Design Challenges) que envolve a participação dessa comunidade. Não há prêmios parrudos em dinheiro, apenas o direito de divulgar o seu trabalho (e convenhamos… esse tipo de divulgação pode render muitos outros frutos, portanto está de bom tamanho!).

O desafio deste mês é a criação de uma ilustração de aproximadamente 25x25cm que capta a essência do Firefox 4. Ela será impressa na frente da camiseta, cuja cor, será escolhida baseada na cor de background da ilustração vencedora. Como trata-se do lançamento da nova versão do browser da Mozilla, a ilustração escolhida terá enorme destaque na comunidade, nos sites da Mozilla, em seu blog e sua página no Facebook.

Você tem até 13/03/2011 pra enviar o seu trabalho. Para ter acesso a um mini-briefing e mais detalhes, consulte a página do desafio.

Boa sorte!

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.