Desafio Firefox 4: T-shirt Design Challenge

Firefox 4

Mozilla Creative Collective é um projeto criado pela Mozilla Foundation com o intuito de fazer com que artistas e designers se inspirem com os ideais de inovação, liberdade e participação que a Mozilla tenta transmitir em seus produtos.

Todos os meses eles promovem desafios (Design Challenges) que envolve a participação dessa comunidade. Não há prêmios parrudos em dinheiro, apenas o direito de divulgar o seu trabalho (e convenhamos… esse tipo de divulgação pode render muitos outros frutos, portanto está de bom tamanho!).

O desafio deste mês é a criação de uma ilustração de aproximadamente 25x25cm que capta a essência do Firefox 4. Ela será impressa na frente da camiseta, cuja cor, será escolhida baseada na cor de background da ilustração vencedora. Como trata-se do lançamento da nova versão do browser da Mozilla, a ilustração escolhida terá enorme destaque na comunidade, nos sites da Mozilla, em seu blog e sua página no Facebook.

Você tem até 13/03/2011 pra enviar o seu trabalho. Para ter acesso a um mini-briefing e mais detalhes, consulte a página do desafio.

Boa sorte!

Como é feito um Big Mac?

Todos sabem os ingredientes… 2 hamburgueres, alface, queijo, molho especial, cebola, picles no pão com gergelim! ;) Mas e a montagem do lanche?

O Big Mac é conhecido como um dos poucos produtos que tem o mesmo sabor (ou quase o mesmo) em todas as partes do mundo e também por isso é um dos lanches com mais tentativas de produção caseira de que se tem notícia (estatística via: “meu ciclo de amigos”).

Assim como o lanche, a linha de produção de um Big Mac em um McDonald’s não é muito diferente em suas lojas espalhadas pelo mundo. Por isso, da próxima vez que for ao McDonald’s pense em como o cara responsável pelo seu lanche higienizou o dedão antes de montá-lo… ;)

Tem como fazer em casa?

Se ao ver o vídeo acima, você ficou interessado em tentar fazer o seu próprio Big Mac ao invés de ir a um McDonald’s. Tente começar com esses vídeos abaixo…

 

 

Ok… você nunca saberá o segredo exato do “molho especial”, mas ao menos saberá onde colocou o dedo antes de fazer o lanche… ;)

PS: Se o seu lanche caseiro não der certo, faça a coisa certa e vá ao Burger King pedir do seu jeito!

Clube de compras, Compras coletivas, Busca de Compras e agora… Organizadores de cupons!

Clubes de Compras e Compras Coletivas

Todos já devem ter visto ou ouvido falar ao menos uma vez de um clube de compras ou site de compras coletivas. É impressionante como tudo o que é relacionado a ofertas se prolifera no Brasil (na verdade, no mundo todo), até mesmo site de ofertas para Concurseiros (o link era http://www.concurseirourbano.com.br, mas aparentemente está fora do ar) já foi criado no Brasil.

Apesar deste post citar alguns sites relacionados com o título acima eles aparecem aqui no site apenas para ilustrar o conceito, a idéia principal é tentar entender como um serviço que aparentemente despertaria o interesse de poucas pessoas, cresce a tal ponto de valer bilhões de dólares no mercado e por consequência abrir as portas para vários outros nichos relacionados e com isso estabelecer um mercado que se torna referência para os consumidores.

Ao que tudo indica, tudo começou com o Gilt Group em 2007 (fundado por um co-fundador da Doubleclick, uma executiva do eBay e a pessoa que administrava o merchan da Louis Vuitton e da Bulgari, ou seja, pessoas conscientes e que sabiam onde iriam pisar) , ainda hoje um dos mais luxuosos Clubes de Compras. O conceito de um clube de compras é vender apenas aos associados (cadastrados no site) e a idéia original era ter como associados apenas pessoas que eram convidadas por outros sócios. Tais clubes costumam vender apenas produtos de grifes famosas, ou seja, eles são voltados a um determinado tipo de público e mesmo com os descontos oferecidos, muitas coisas ficam longe do poder de aquisição da maioria dos pobres mortais. Atualmente os clubes não são tão fechados e qualquer um pode fazer o seu cadastro (o que não significa que poderá comprar os produtos). Entre os mais conhecidos no mundo, além do Gilt nos EUA, estão também o Private Outlet na Europa e no Brasil temos o Privalia (pioneiro ao chegar por aqui em 2009) e o Brands Club.

Com a popularização dos Clubes de Compras era de se esperar que alguém no mundo tivesse a idéia de criar um outro tipo de categoria voltado as “massas populares”. Tal conceito surgiu, também nos EUA, com os sites de Compras Coletivas e o primeiro deles foi o GroupOn (que desembarcou aqui no Brasil, sabe-se lá porque com o nome de Clube Urbano – Hoje já trocado). Não dá pra dizer 100% que o GroupOn nasceu somente por conta de “nichos de mercado”, pois segundo esse infográfico publicado no The Wall o seu fundador, Andrew Mason, começou a pensar no conceito do site já em 2006, por conta de uma tentativa de cancelamento de contrato em uma operadora de celular (alguns problemas, não acontecem apenas no Brasil), mas pode-se dizer que uma coisa acabou levando a outra direta ou indiretamente.

O fato é que os sites de Compras Coletivas foram criados e milhares de pessoas deixam o seu suado e rico dinheirinho todos os dias nestes sites. Existem milhares destes sites pelo mundo, mas os mais conhecidos em terras tupiniquins são, o Peixe Urbano (o primeiro a trazer o conceito para o Brasil em Março de 2010 – Parece que foi a 5 anos já!), o ClickOn e o próprio GroupOn (ex-Clube Urbano). E pelo visto, deverá chegar em breve por aqui mais um concorrente de peso, pois o Living Social (segundo maior dos EUA), já possui a cidade de São Paulo entre suas escolhas, apesar de ainda não possuir nenhum oferta…

Ok, tudo muito bacana, mas como eu me acho nisso tudo?

Como mencionei, existem milhares de outros sites no Brasil e no mundo e foi pensando nisso que surgiram os buscadores de ofertas em sites de compras coletivas. Sim, afinal com tantos sites e ofertas espalhadas por aí, como você ia arrumar tempo pra entrar em um por um, peneirar ofertas e comprar somente “o necessário”? Não conheço todos e nem pretendo conhecer, pois surgem que nem praga… até o momento consegui catalogar 4 deles no Brasil e são eles: Aponta Ofertas, What’s Off (update em 22-01-2011: aparentemente foi desativado), Vale Junto e o Save Me (com tantos sites assim, não há quem salve o desperdício de grana…).

E aí? Acabou? Com tantos Clubes Fechados, Clubes Abertos e Coletivos e ainda Search Engines especializados em achar a melhor oferta pro seu bolso, o que falta nisso tudo?

O óbvio ululante, oras! Se tem tantos sites assim e eu compro em média 1 ou 2 ofertas por dia em sites diferentes, como faço pra guardar todos os cupons e não perder as datas dos descontos? É aí que entra o último grupo de serviços (até o momento) oferecidos a partir de uma idéia inicial que era a disponibilização de ofertas exclusivas a um grupo de consumidores… os Organizadores de Cupons!

Organizadores de CuponsNada melhor do que termos um local para armazenar todas aquelas compras “conscientes” que fizemos nas 4 últimas semanas. Aliás, você lembra o que comprou em algum destes sites na semana passada? Pois é… nem eu. E aqui está a cereja do bolo, ou as cerejas, pois coincidentemente enquanto escrevia o post recebi um spam com um novo organizador e até o momento são 2 que tenho catalogados: Organizaí e Junte Cupons.

Ou seja, se você não é o cara que teve aquela idéia inicial e criou um serviço que hoje vale bilhões de dólares, não se preocupe, pois ainda há espaço pra crescer e muito no mercado criando serviços relacionados, que sejam tão importantes quanto a idéia original.

PS: Agora que você já sabe onde comprar, onde pesquisar e onde armazenar as compras, não me responsabilizo por qualquer compra efetuada ou problema encontrado nos sites acima citados… apesar de eu não ter tido qualquer problema em sites de compras coletivas até o momento, não é difícil encontrar reclamações por aí. Gaste por sua conta e risco… ;)

Mac App Store ou o que a Apple tem contra mídias?

Mac App Store - ©Apple Inc.

No último dia 06/01/2011, como previsto, a Apple lançou a nova Mac App Store. Para quem está acostumado com a iTunes Store, nenhuma novidade. Seu funcionamento é exatamente o mesmo, inclusive a forma como os softwares são apresentados e a busca pelos mesmos, além disso, você também não precisará criar um novo cadastro caso já possua o seu na iTunes Store, basta usar o mesmo login e senha para ter o acesso liberado.

Mas e aí, Manolo, o que eu ganho com isso? Pra quem usa Mac é uma puta mão na roda, pois agora você tem em um único lugar um índice com uma penca de softwares bacanas, incluindo aí vários que você (e eu) nem conhecia. Se algum deles te interessar, basta fazer a compra (exatamente como é feito com os apps pro iPhone), o valor é deduzido de seus créditos (caso utilize gifts cards) e o download se inicia. Prático e rápido. Com a Mac App Store instalada, há a vantagem de já saber quais softwares você possui sem ter de fazer nada, ela “automagicamente” identifica os que estão instalados em sua máquina e os mostra com a tag INSTALLED no lugar do valor do app.

Mac App Store - Apps Instalados

Bem bacana, mas como eu acesso? Basta fazer o update do Snow Leopard para a versão 10.6.6 e a loja já fica disponível para você no menu da maçã, conforme a imagem abaixo:

Mac App Store - Onde fica?

Mas nem tudo são flores. O Michel Lent levantou uma questão interessante em seu blog. Onde ficam os desenvolvedores independentes com isso tudo? Estaria a Apple criando uma forma de controlar o que entra e o que sai do desktop assim como já faz com o iPhone e iPod? Quem não quiser disponibilizar seu software na Mac App Store, não poderá mais desenvolver pra Mac?

Eu, sinceramente não creio nisso, pois o tio Jobs tem noção do que pode ou não ser um tiro no próprio pé e isso seria um dos grandes. Na verdade a idéia é outra, aproveitar o momento em que cada vez mais desenvolvedores passam a criar apps para iPhones e iPads e fazer com que esses tenham interesse também no desktop da maçã. Um banner disponível na página sobre a Mac App Store dá essa deixa também:

Mac App Store - Convocação aos desenvolvedores - ©Apple Inc.

Enfim, a loja está disponível em sua versão 1.0 e tem muito a crescer ainda. Mas sem dúvida alguma ela é um grande passo pra eliminação completa dos drives dos desktops da Apple. Minha aposta é que com esse lançamento, alguma das versões desktop da maçã sairá de fábrica sem drive ótico, cabendo ao usuário a opção ou não pela compra de um drive semelhante ao que já é vendido para o MacBook Air.

Se estou certo? Só nos resta aguarda até o próximo “One More Thing”.

Pra quê conversar na balada se você pode simplesmente exibir seu QR Code?

Lembra daquelas conversas em que você comentava com seu amigo que no futuro todos teriam um código de barras no pulso para um terceiro elemento “te escanear” e com isso saber sobre toda a sua vida? Pois bem, ainda não chegamos nesse nível, mas estamos caminhando a passos largos… bem largos, diga-se.

QR Code Designando

O designer português João Oliveira Simões, criou o site iD Shirt, como um projeto pessoal e o movimento se espalhou pelo mundo (uma rápida pesquisa pela tag “idshirt” no Flickr, mostra o quanto).

Ou seja, pra quê perguntar o nome da menina, seu msn, facebook ou qualquer outra coisa que te interesse se você pode simplesmente pegar seu celular, apontar a câmera e “zummm” obter todos os dados dela, acessar seu perfil em redes sociais na mesma hora, e claro, adicioná-la aos seus contatos, sem ao menos conhecê-la… ;)

Claro que o cenário ideal não é o do parágrafo acima, mas serve pra ilustrar uma das possíveis situações. A idéia é bacana e o projeto idem. Hoje em dia só veremos geeks usando tais camisetas (eu incluso, pois já pedi a minha), mas quem sabe como será no futuro? ;)

A camiseta sai por € 22,00 (para entrega em qualquer parte do mundo) e o pagamento pode ser via PayPal. Quer saber o que escrevi na minha? Use o seu leitor de QR Code no código abaixo:

QR Code Designando

Fonte: http://idshirt.net

“Angry Birds” invadirão sua casa…

Ok… você já pegou a versão Lite do Angry Birds e com apenas uma ida ao banheiro terminou todas as fases… comprou a versão completa e sempre dá um jeito de dar aquela fugidinha do trabalho. Sua sobrinha sempre que o vê, fala: – “Tio, deixa eu jogar o jogo do passarinho?”.

Se esse é o seu caso, então imagine quando souber que a Mattel trará o tão popular game para a vida real. Sim, pássaros e porcos de plástico na sala de sua casa!

Angry Birds da Mattel/Rovio

Veja uma prévia do jogo no vídeo abaixo:

 

Só vejo um problema nisso tudo. Ao passar de fase no celular, as torres e os porcos estão lá… já posicionados para sofrerem o próximo ataque. Já com a versão acima, a cada derrubada, lá vai você buscar os tijolos e porquinhos espalhados por debaixo do sofá…

Pois é… acho que só a sua sobrinha mesmo vai gostar… ;)

Fonte: Electric Pig

Após 7 anos… o retorno!

É isso pessoal… após pouco mais de 7 anos, o blog Designando volta a ativa. Não mais como antes, mas com o mesmo entusiasmo. Alguns amigos de twitter, me acompanham desde a época do antigo blog no formato de zine e estes sabem o quanto é difícil para alguém que gosta de falar e escrever compactar tudo o que pensa em apenas 140 caracteres… talvez esse seja um dos motivos para voltar a blogar.

Bom, nestes 7 anos conheci muita gente interessante, passei por agências e empresas bacanas, fiz freelas que nem imaginava fazer e não deixei de visitar sites ducas, enfim, cresci pessoal e profissionalmente, mas nada disso me deixava tão contente como trocar idéias em qualquer lugar que seja com outras pessoas tão bacanas quanto.

Chega de chorumelas e vamos ao que interessa… se quiserem saber mais sobre o que foi o blog a 7 anos atrás, clique ali no topo no botão Sobre. Se quiser saber mais sobre meus projetos e ver meu portfólio, aguarde um pouco, em breve ele estará disponível em www.marcelosales.com. E se quiser me adicionar por aí para trocar idéias longe daqui, esse é o local.

Em tempo, o novo blog Designando contará com a participação de designers amigos e pra começar, uma puta contribuição de peso do amigo Ariel Fajtlowicz, culpem-no pelo pattern de background que ilustra o blog nesse momento. Valeu Ariel!

Enjoy! :)

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.